As celulites, que acometem principalmente os membros inferiores das mulheres, são lesões influenciadas pelos hormônios e também relacionadas à genética.

Os tratamentos variam de acordo com o grau da celulite, vão desde massagem manual para auxilio na drenagem linfática, ao uso de tecnologias, como a radiofrequência e o ultrassom.

Também dispõe-se de outros procedimentos médicos, como a subcisão, técnica indicada quando a celulite é profunda e apresenta fibrose dérmica que a ancore no subcutâneo; ou aplicações de bioestimuladores de colágeno que trazem ótimos resultados, principalmente quando em associação com outras técnicas.